Preocupado com sua privacidade durante a viagem?

Preocupado com sua privacidade durante a viagem? Aqui está o que você pode fazer

A conectividade é um elemento essencial nas viagens, porque os viajantes precisam e querem estar hiperconectados. A menos que seja um retiro espiritual ou uma “desintoxicação tecnológica”, é difícil encontrar alguém que queira viajar sem acessar suas redes sociais, conta bancária etc. Mas cuidado: redes Wi-Fi públicas são alvos de hackers, e você deve usá-las com tanto cuidado quanto em qualquer outro local público.

Como tornar minha viagem mais confortável e segura?

A resposta depende de quanto risco você está disposto a correr. No estado atual de segurançaInternet das Coisas (IoT), é impossível evitar um certo nível de risco. Os ataques podem ocorrer de duas maneiras diferentes. O cibercriminoso pode estar conectado a uma rede pública (sem senha ou com uma senha facilmente revelada) ou pode rotear uma conexão para criar sua própria rede Wi-Fi, com nome semelhante ao da conexão real. Em ambos os casos, não há como proteger meu endereço IP e conheça o risco de se conectar.

Em redes comprometidas, os hackers geralmente redirecionam a conexão de um site para outro; por exemplo, quando você tenta acessar seu banco ou uma rede social, você acessa um site falso que simula o real para roubar seus dados bancários e outras credenciais ou distribuir malware. O criminoso pode simplesmente usar um nome semelhante na web, esperar que a pessoa faça login e até deixar que outra pessoa navegue. Ao acessar um site falso, o hacker terá acesso a tudo que for colocado nessa página. Você pode pensar que está na página real e digitar as senhas do banco. Na realidade, você passa tudo para os hackers.

Quais soluções para aumentar minha segurança cibernética durante a viagem?

1. Evite redes públicas de internet

Pode parecer contraditório e até radical, mas evite usar o Wi-Fi do hotel ao acessar sites que exigem dados pessoais, como o seu banco. Nesse caso, prefira sempre 3G ou 4G, sempre que possível, é sempre melhor usar dados móveis para transações financeiras.

2. Considere usar uma VPN

Existem várias opções de VPN para proteger meu endereço IP no mercado. Se você viaja muito usando a internet no hotel, especialmente para acessar dados confidenciais, talvez queira investir em um dispositivo desse tipo. As VPNs criptografam seus dados. Alguns verificam o certificado digital, inclusive exigindo que você seja redirecionado para um site real se o que você acessou for falso.

3. Procure certificados digitais

Fique de olho nos certificados digitais, aqueles bloqueios de segurança que aparecem na barra de endereços dos navegadores. Os navegadores podem identificar se o site que você está acessando é realmente o que afirma ser: o próprio navegador pode avisar que há um problema com o certificado do site e a partir daí você pode optar por continuar a conexão ou não. O problema é que alguns sites falsos, com criminosos mais habilidosos, obtêm certificados temporários para suas páginas. Até recentemente, era caro obter um certificado de um site. Existem sites que oferecem um certificado gratuito válido por 90 dias. Os criminosos usam esse recurso para emitir um certificado digital em nome de outros sites.

4. Implemente a autenticação de dois fatores

Se você deseja reforçar sua segurança, além de uma senha longa e complexa, o ideal é configurar a autenticação de dois fatores em suas redes sociais, seus serviços bancários e serviços como o WhatsApp. Este é um sistema de verificação em duas etapas oferecido por muitos serviços digitais hoje, como medida de segurança adicional.

5. Faça backup de suas informações pessoais na nuvem

Dado o risco de roubo de informações por cibercriminosos para extorquir, sequestrar ou usurpar sua identidade digital, é recomendável fazer backup de seus dados em espaços de armazenamento seguros na nuvem. Um disco rígido corre o mesmo perigo que um computador. Pode ser danificado e isso levará a um processo de recuperação, quando possível de outra forma… Atualmente, Nuvens como Google ou One Drive são opções seguras para salvar seus dados pessoais e suas fotos de férias!

Os cibercriminosos estão sempre à procura de alvos fáceis. Um pouco de preparação e atenção costuma ser suficiente para evitar a maioria dos problemas. Diferentes golpes são populares em todas as regiões do mundo, mas é fácil descobrir quais devem ser observados quando você estiver fora de casa.